2 de outubro de 2007

Papas à minhota

A foto ficou excelente (hihihi) mas não podia deixar de postar esta deplorável sopinha rústica que é servida como prato único ao jantar no minho.
  • 1 lata das pequenas de feijão encarnado cozido (aprox. 300 gr.)
  • couve lombarda
  • 1 fio de azeite
  • 100 gr de farinha de milho
  • 2 linguiças
Levei a cozer, no caldeirão, o feijão, a couve (cortada como caldo verde grosseiro), as linguiças e um fio de azeite. Depois da couve estar cozida, juntei a farinha, diluída com um pouco da água da cozedura. Deixei ferver por mais ou menos 2 minutos e retirei do lume. Cortei as linguiças às rodelas e voltei a colocá-las no caldeirão. Servi quente. Deve ficar uma sopa forte mas não muito espessa.

7 comentários:

anna disse...

Cá está uma bela sopinha para um dia de chuva e trovoada como hoje...
Beijinhos.

turbolenta disse...

Nas zonas mais frias, como é o caso do Norte, costumam fazer-se umas sopas mais "ricas" . Comendo um prato dessas sopas ao almoço, ninguém tem fome até ao jantar. Quando era miúda lembro-me de umas sopas bem calóricas,mas que eu adorava, por serem totalmente diferentes daquelas que a mãe me fazia cá em Lisboa.
boa semana

Marizé disse...

Esta sopa deve aquecer bem, assim cheia de sabores rusticos como eu gosto.
Beijocas

Elvira disse...

Eu agora, devorava um prato bem cheio dessa delícia !! ;-D

Laurinha disse...

Anotada para dias mais frios!
Beijinhos,

Gi disse...

ei Mucha!!!!
eu adoro sopinhas :P uma boa dica para mim, tirando as linguiças!! mas aposto que fica bom do mesmo jeito!! =)

adicionei o caldeirão lá no Coffee Coffee, viu? e bom, fui convidada a participar do 5 estrelas e como conheço poucas pessoas, resolvi indicar as donas dos blogs mais gostosos e acessados por mim, e o caldeirão tá lá borbulhante!!! como vc já participou, fica meu beeeijo pra vc e achando que o seu blog é 5 estrelas!!

beijocas!!
Gi

Anette disse...

Mucha,apesar de desfocada (a foto...) consegue-se ver e antever a maravilha que devem estar estas papas! Já a linkei, tá?
Beijoca enorme.